8 de setembro de 2020

Conheça as doenças mais comuns em cães, como prevenir e tratar

Se preferir, ouça a matéria:

Desde que nascem, os cachorrinhos precisam de cuidados com a sua saúde. Vacinas, vermífugos e uma rotina de higiene são essenciais para prevenir as doenças mais comuns em cães. 

Essa prevenção é necessária porque, mesmo tendo tratamento, algumas dessas enfermidades podem trazer consequências graves para os pets.

A seguir, conheça algumas dessas doenças e descubra como identificar sintomas para procurar um Médico Veterinário antes que o quadro de saúde do pet se agrave.

6 doenças mais comuns em cães, suas causas, prevenção e tratamento

1 – Erlichiose

Também é chamada de doença do carrapato porque sua transmissão acontece por meio da picada desse parasita. É uma infecção grave que desencadeia quadros de anemia, hemorragia, alterações neurológicas e insuficiência renal. Quando não tratada a tempo, pode levar o animal à morte. 

O principal meio de prevenção é com o cuidado constante para evitar infestações de carrapato, tanto no pet quanto no ambiente onde ele vive. Isso pode ser feito com a aplicação de remédios e produtos com ação antiparasitária.

Já o tratamento depende do estágio em que a doença foi diagnosticada. Para cada caso são indicadas medicações específicas. 

2 – Raiva canina

Essa é uma das doenças que também apresenta alto risco para os humanos. É uma infecção viral considerada fatal, pois ainda não há tratamento nem cura. A prevenção contra a raiva acontece exclusivamente pela vacinação e a transmissão se dá pela mordida ou arranhadura do pet contaminado.

Os principais sintomas são mudança do comportamento, inquietação, desorientação, paralisia motora, espasmos, salivação em excesso, perda de apetite e até alucinações.

3 – Cinomose

A cinomose e uma doença grave que afeta principalmente filhotes e cães idosos que estejam com baixa imunidade. Quando não tratada corretamente e em tempo, pode deixar sequelas graves e até causar a morte do pet. Ela é altamente contagiosa entre os pets e sua evolução pode ser rápida, com vários e diferentes sintomas em cada fase. Ela pode começar com sinais respiratórios como tosse, secreção nasal e dificuldade para respirar e passar para sintomas gastrintestinais como vômitos e diarreia. Além disso, pode causar reações neurológicas como convulsões e reações cutâneas como as conjuntivites.

doenças mais comuns em cães

A melhor forma de prevenir a cinomose é seguir o calendário de vacinação. Assim as chances do seu cão se contaminar com a doença são mínimas.

4 – Gripe canina

A gripe que atinge os cães é uma enfermidade que afeta o sistema respiratório canino e pode desencadear outros problemas de saúde. Quando não tratada ou remediada sem o devido cuidado, pode evoluir e se transformar em pneumonia, colocando em risco a vida do pet.

Fungos, bactérias e vírus são os principais causadores da doença e, quando os cães estão com a imunidade baixa, ficam fragilizados e mais suscetíveis à contaminação. 

Os principais sintomas da gripe canina são tosse contínua, corrimento nasal, espirros, febre, letargia e falta de apetite. Nestes casos, o tratamento é feito com medicamento específicos, prescritos pelo Médico Veterinário de acordo com o quadro clínico do pet.

A melhor forma de evitar o surgimento de gripes é manter o pet longe do frio e da umidade e sempre bem nutridos.

SAIBA MAIS: MANTENHA AS ORELHAS DO CÃES LIMPAS PARA EVITAR OTITES

5 – Parvovirose

Ao mesmo tempo que é uma das doenças mais comuns em cães, a parvovirose é considerada uma das mais graves, pois pode iniciar com vômitos e diarreia e evoluir para um quadro de taquicardia e desidratação. Quando afeta filhotes, se torna ainda mais perigosa, pois os cachorrinhos ainda não têm imunidade suficiente para combater a doença.

A parvovirose é causada por um vírus e seu grau de contágio é alto entre os pets. 

Em alguns casos, o vírus pode atacar o coração e causar miocardite, o que pode levar à morte. 

A principal prevenção é por meio da vacinação, além da restrição de contato com cachorros doentes e objetos infectados.

6 – Otite

Esse tipo de infecção que afeta os ouvidos dos cães pode ter origem parasitária, fúngica ou seborreica. Também pode se manifestar por falta de higiene e alergias. 

doenças mais comuns em cães

Essa inflamação no canal auditivo pode provocar dor e, em situações mais graves, levar à perda da audição temporal. Além disso, coceira exagerada, vermelhidão e até mau cheiro nas orelhas podem surgir.

Os principais sintomas são balançadas de cabeça, com movimento de “bater as orelhas”, agressividade e irritabilidade ao ter as orelhas tocadas, falta de apetite, apatia e coçadas frequentes e de maior intensidade nas orelhas.

Cuidados frequentes como a limpeza do conduto auditivo são essenciais para evitar essa doença. Mas essa tarefa deve ser feita com muito cuidado, para não empurrar a cera do ouvido para dentro da orelha e prejudicar a saúde do pet. Para auxiliar, você pode utilizar o Cleangard Oto. O medicamento age como secante e antisséptico na remoção do excesso de cerúmen. Também elimina secreções com odores desagradáveis causadas pela transpiração. E ainda possui um agradável cheiro de capim limão.

Cuidados essenciais de prevenção

Para evitar essas doenças mais comuns em cães e garantir que seu pet esteja sempre saudável, alguns cuidados frequentes devem ser seguidos como:

  1. Oferecer ração de boa qualidade
  2. Manter a carteirinha de vacinação em dia
  3. Aplicar todos os vermífugos
  4. Estimular o cão a se exercitar diariamente
  5. Manter o pet e o ambiente que ele fica sempre limpos
  6. Fazer consultas regulares ao Médico Veterinário

Seguindo essas dicas você garante a qualidade de vida do seu pet e pode viver muito tempo ao lado dele.

© LABGARD SAÚDE ANIMAL BE220