9 de outubro de 2018

Cães e crianças: cinco benefícios desta convivência

Além de divertido, proporcionar o convívio de cães e crianças pode ser benéfico para a saúde e o desenvolvimento intelectual dos pequenos. A relação entre eles pode estimular o raciocínio, ensinar responsabilidades, incentivar o afeto e ainda render boas lembranças quando forem adultos.

Para explicar como essa convivência pode trazer ainda mais vantagens, preparamos uma lista com cinco dos principais benefícios que os cães oferecem.

1 – Senso de responsabilidade

Conforme a idade da criança, pode-se atribuir algumas tarefas como alimentação, passeios, brincadeiras e escovação dos pelos dos cães. Mas sempre mostrando que ela é parte de uma equipe para cuidar do pet, não deixando a responsabilidade toda para ela.

SAIBA MAIS: 4 DICAS PARA CUIDAR DOS FILHOTES DE CÃES E GATOS

2 – Menos estresse

Crescer dividindo o lar com cães torna os dias  mais felizes e divertidos. Para conquistar isso, é preciso interagir com os amigos de quatro patas. De acordo com um estudo da Universidade de British Columbia, em Vancouver, no Canadá, brincar com os cachorros faz cair os níveis de estresse e aumentar os de energia e felicidade. E o melhor: os resultados duram por até 10 horas.

3 – Mais saúde

Ter um cãozinho em casa também pode influenciar na prevenção e tratamento de doenças. Além de tornar a rotina mais saudável, pode ser bom para o aumento da imunidade das crianças. Conviver com os animais estimula a prática de atividades físicas como corridas e caminhadas. Por isso, também oferece benefícios à saúde do coração.

4 – Redução de alergias

Com o sistema imunológico fortalecido pelo convívio com os cães, as crianças ficam menos propensas aos desenvolvimentos de alergias respiratórias e dermatites. A exposição precoce aos animais permite que o corpo dos pequenos se acostume à presença deles e desenvolva uma imunidade natural. Quando este contato acontece ainda no primeiro ano de vida dos bebês, reduz-se em 13% os riscos de desenvolver asma, por exemplo. Os dados são da pesquisa divulgada pela revista médica americana JAMA Pediatrics.

5 – Estímulo à leitura

Além de estimular a concentração e a interação social das crianças, os cães também ajudam formar futuros leitores. Uma pesquisa feita pela  Universidade da Califórnia, mostra que cerca de 12% das crianças que passaram a ler para os cães em voz alta desenvolveram fluência na leitura. Isto acontece porque, na presença dos animais, os níveis de cortisol diminuem e a criança se sente mais segura.

SAIBA MAIS: COMO IDENTIFICAR OS SINTOMAS DA GIARDÍASE EM CÃES E GATOS

Convivência entre cães e crianças deve priorizar a saúde de todos

Quem já tem ou está pensando em levar um cãozinho para conviver com as crianças em casa, também deve estar atento à saúde dos animais. Além de mantê-los em um ambiente limpo e higienizado, é preciso cuidados periódicos como a vermifugação. Eles devem ser desverminados logo nos primeiros dias de vida para evitar infestações parasitárias internas.

O indicado é que as primeiras doses sejam dadas aos 15, 30 e 45 dias, em quantidade proporcional ao peso dos filhotes e conforme orientação do médico veterinário. Este controle pode ser feito com o Vermegard Cães&Gatos , um comprimido de amplo espectro que combate vermes e ainda age contra a giardíase. Após este período, é indicado que a cada três meses uma nova dose do vermífugo seja dada ao cão para que ele se mantenha saudável. 

© LABGARD SAÚDE ANIMAL